Instagram restringe duas postagens com conteúdo falso de Carlos Bolsonaro sobre Lula

Instagram restringe duas postagens com conteúdo falso de Carlos Bolsonaro sobre Lula

8 de novembro de 2021 0 Por Redação Em Notícia

Duas postagens do vereador carioca Calos Bolsonaro (Republicanos), filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), foram classificadas pelo aplicativo Instagram como sendo fomentadoras de conteúdo falso e, por isso, restringidas.

Nas postagens, Carlos Bolsonaro compartilha um vídeo de uma entrevista antiga do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e tenta justificar o alto preço atual do gás de cozinha e da gasolina dizendo que o petista teria doado refinarias da Petrobras à Bolívia, o que é falso.

Retirado de contexto, o vídeo foi classificado como falso pela descrição feita pelo filho do presidente, já que a refinaria foi vendida ao país sul-americano em 2007 por US$ 112 milhões.

“A mesma informação foi analisada por verificadores de fatos independentes em outra publicação”, afirma a rede social ao ressaltar que a informação postada é retirada de contexto e falsa.

O vídeo diz respeito a uma entrevista concedida em 2015 pelo ex-presidente Lula sobre a nacionalização das refinarias estrangeiras. Na ocasião, o petista relata uma conversa com Evo Morales, ex-presidente da Bolívia.

Em nenhum momento, porém, o ex-presidente afirma que a refinaria brasileira teria sido doada ao país amigo.

“Falso: Lula não disse em vídeo que deu refinarias para a Bolívia; instalações foram vendidas em 2007”, enfatiza o Instagram.